24 de janeiro , 2022

Cada vez mais, a sociedade passa a reconhecer a cor do ano como uma forma crítica de comunicação, além de expressar ideias e emoções

 

Crédito: Divulgação / NCS Color

 

A cada ano, consultorias, institutos de cor e agências especializadas buscam interpretar o zeitgeist (sinais do tempo) em busca de respostas para a transição pela qual estamos passando. Significa, em suma, apontar o conjunto de características e manifestações comportamentais, intelectuais, culturais e geopolíticas no mundo. Apesar da complexidade dessa tarefa, principalmente para descrevê-la em poucas palavras, a cor do ano tem sido amplamente utilizada para comunicar esse cenário.

Talvez isto não seja possível em todos os mercados, para todas as eras ou para todos os tempos, mas o sistema de cores é amplamente difundido entre arquitetos, designers e estilistas, além das indústrias automobilísticas e de artigos para casa.

Por meio de códigos alfanuméricos, que ajudam a comunicar cores com uma linguagem única e sem espaço para erros de comunicação, o Sistema NCS (Natural Colour System) e o Pantone são os mais difundidos e utilizados para trabalhar a linguagem universal da cor.

Vale lembrar, o NCS é base para a infinita paleta de tonalidades LifeColors da Todeschini, com mais de quatro mil opções de cores para a personalização de ambientes e móveis planejados.

Mas qual é a cor que melhor vai refletir o ano de 2022, enquanto escrevemos nossas vidas?

 

Crédito: Divulgação / Pantone

 

17-3938 Very Peri, by Pantone

A Pantone anunciou 17-3938 Very Peri, um tom que combina a tranquilidade constante do azul com uma infusão energética do vermelho-violeta. Como resultado, temos uma cor dinâmica, alegre e positiva.

“É literalmente o mais feliz e o mais quente de todos os tons de azul”, diz Leatrice Eiseman, diretora-executiva do Pantone Color Institute, descrevendo o tom. “Ao mesmo tempo, esse subtom vermelho introduz uma sensação poderosa de novidade, e novidade é o que estamos procurando.”

À medida em que avançamos para um mundo de mudanças sem precedentes, a tonalidade escolhida, indica a companhia, mostra uma atitude vivaz e alegre, que visa inspirar nosso espírito criativo e abraçar o mundo de possibilidades que se abre.

 

Crédito: Divulgação / Pantone

 

Crédito: Divulgação / Pantone

 

No mobiliário e projetos de interiores, Very Peri pode iluminar um espaço neutro, ser um elemento de surpresa quando a cor é menos esperada, ou também criar um fundo ousado para revestir paredes e espaços comerciais. Mas a combinação com outros materiais, acabamentos e elementos decorativos também pode garantir um ar sério e formal, ou lúdico e casual.

 

Compreensão das cores e tendências

Na visão da empresa, a cor do ano de 2022 mostra ainda a fusão da vida moderna com o mundo digital. De NFTs (tokens não fungíveis), passeios de ônibus espaciais à promessa de metaverso de Mark Zuckerberg, são inúmeras as conexões que se fazem presentes em nosso dia a dia. Por isso, a vertical de tecnologia teve grande peso na escolha, incluindo o fato de que essa foi a primeira vez que a Pantone fabricou uma cor em vez de se aprofundar em seu arquivo pré-existente.

“O design digital nos ajuda a esticar os limites da realidade, abrindo as portas para um mundo virtual dinâmico, onde podemos explorar e criar novas possibilidades de cores”, detalha Leatrice. Aproveite para relembrar a escolha de 2021, com o duo lluminating e Ultimate Gray.

 

Crédito: Divulgação / NCS Color

 

Um novo começo, com muitas possibilidades

Segundo a NCS Color, nossas preferências de cores são influenciadas por uma mistura de drivers externos, que acabam reforçando certas áreas de cores mais do que outras. Como resultado, as previsões devem oferecer não uma, mas uma paleta de cores relevante, para se adequar a qualquer design que anseie por estar na moda.

“Nossa mentalidade, comportamento e humor serão em grande parte uma consequência do que passamos durante esses tempos exaustivos e incertos”, explica o diretor-criativo Karl Johan Bertilsson. Ele acrescenta: “As seleções de cores em tempos difíceis geralmente são cuidadosamente positivas e mais neutras. Elas tendem para um lado mais cauteloso, embora positivo, um otimismo relativamente neutro”.

Nesse sentido, foram identificadas quatro direções principais para 2022, que direcionam as cores para determinadas áreas. Bastante diferentes, representando vários estados de espírito e fases do ciclo de tendências, essas quatro direções são chamadas de: Zience (Meditando sobre a vida), One (O Regresso ao Campo), Spring Rebels (O Sentimento Feliz de Alegria) e Zero (Um Novo Começo).

 

Crédito: Divulgação / NCS Color

 

Em Zience, a predominância é pelas cores inspiradas nos alimentos que a terra nos dá, principalmente vegetais e frutas. Elas trabalham em conjunto e se equilibram perfeitamente, assim como ocorre na estética e no artesanato Wabi Sabi (madeira, barro, etc.).

Mas depois de tanto tempo em casa, queremos estar ao ar livre e passar um tempo na natureza: areia, mar e sol. É o que sugere a paleta One com suas cores desaturadas e suaves.

Já na paleta Spring Rebels encontramos cores intensas, muito saturadas e brilhantes. São tonalidades que expressam otimismo, alegria e que infundem energia – mesmo diante das incertezas que rondam nosso futuro. A conexão com o lado nostálgico também marca presença.

Por fim, há expectativa de que tenhamos um mundo novo e melhor, mais consciente e com atitudes positivas. Assim, a NCS definiu a paleta Zero como uma tendência futurista, com proposta de cores mais neutras, nítidas e associadas à tecnologia. Há predominância do branco, preto, cinza e dos tons de azul.

Aproveite para se inspirar com algumas sugestões de paletas no Pinterest.