27 de dezembro , 2019

Buscar respostas e produtos para novos estilos de vida é um dos principais pontos quando listamos quais eventos visitar. E o que podemos esperar das feiras de janeiro?

 

Quais feiras de design de interiores você não pode perder em 2020? No ano passado, analisando a repercussão das mídias sociais, as atenções maiores caíram sobre a Imm Cologne, na Alemanha, e Maison & Objet, na França. O Salão do Móvel de Milão, na Itália, é sempre referência máxima, mas o grande atrativo ocorre nos anos pares, quando temos o salão dedicado a cozinhas, a Eurocucina.

Naturalmente, temos outros eventos em destaque para 2020, como a ICFF, em Nova York (EUA), o iSaloni, em Milão (Itália) e a Orgatec, em Colônia (Alemanha), mas vamos abordá-los em outras textos. Por hora, vamos levantar quais são os novos temas para o próximo ano nas feiras de janeiro.

E das tendências que figuraram nas principais feiras de 2019, quais devem permanecer em alta para 2020? Você já fez as suas apostas? Abaixo, vamos relembrar quatro propostas que tiveram forte relevância nos projetos de interiores e podem seguir em alta.

Tendências do mercado de interiores

 

Formas orgânicas. Móveis, luminárias e objetos com formas geométricas mais circulares para propiciar um efeito orgânico e aconchego nos ambientes.

Peças de afirmação. Itens que se destacam no ambiente, seja pelo material inusitado ou design irreverente.

Iluminação protagonista. Imprescindíveis nos projetos de interiores, as luminárias também vão ganhando protagonismo.

Materiais naturais. Além de madeira e pedras, a palhinha surgiu em novas aplicações. Impera a proposta de móveis atemporais e com acabamentos autênticos que nos aproximem da natureza.

 

FIQUE DE OLHO NESSES EVENTOS

 

Heimtextil, em Frankfurt (Alemanha), de 07 a 10 de janeiro

Em sua 50ª. edição, a Heimxtetil segue focada em apresentar tendências para a casa, incluindo as últimas tecnologias e desenvolvimentos na área têxtil.

Evento alemão que abre o calendário de feiras, a Heimtextil é uma das mais importantes feiras de têxteis para o lar e área corporativa. Além de reunir aproximadamente 400 marcas expositoras, chama atenção a realização de mostras como o “Trend Space” – dedicada a análise de macrotendências. Em 2020, o tema norteador é: “Onde eu pertenço”. Em resumo, trata das identidades plurais que cercam os interiores – relembre o assunto no Blog da Todeschini.

 

Imm Cologne, em Colônia (Alemanha), de 13 a 19 de janeiro

A escassez de moradias nas áreas metropolitanas determina o surgimento da nova geração de móveis? A Imm Cologne 2020 promete respostas para essa pergunta

 

Balizadora das tendências que chegam ao mercado de móveis, a Imm Cologne ganha relevância ano a ano entre os profissionais e especialistas de tendências. Com mais de 1.200 expositores, incluindo estrelas do design internacional, a Imm é um dos eventos obrigatórios do nosso segmento.

Seu abrangente programa de palestras e exposições paralelas, incluindo novos designers, também chama atenção do público. Mas um dos seus projetos de maior sucesso é “Das Haus” – A Casa, em alemão. Anualmente, desde 2012, essa instalação de aproximadamente 180 m² mostra a visão pessoal de grandes profissionais e estúdios de design para o morar contemporâneo. É uma combinação de arquitetura, design de interiores e seleção de mobiliário. Em 2020, a responsabilidade fica a cargo do estúdio espanhol MUT, liderado por Alberto Sánchez e Eduardo Villalón.

 

Maison & Objet, em Paris (França), de 17 a 21 de janeiro

Evento francês promete olhar para o futuro e focar no comportamento de consumo das gerações Y e Z

 

Com duas edições no ano (janeiro e setembro), a primeira edição de 2020 acontece na mesma semana da Design Week francesa – atraindo ainda mais visitantes da indústria de interiores e acessórios. Além de valorizar a produção local, muito bem aceita na Inglaterra e demais países do Mediterrâneo, a Maison & Objet separou a exposição em duas categorias distintas: design de interiores e objetos e acessórios.

Também com um tema chave em pauta, desenvolvido pela agência de tendências NellyRodi, a feira francesa promete olhar para o futuro. Com a temática (Re) Generation!, as edições de janeiro e setembro se propõem a analisar as atitudes, desejos e expectativas dos nativos digitais das gerações Y e Z. Segundo os organizadores, esses dois públicos, confrontados com as muitas crises atuais, estão procurando um mundo melhor, mudando as regras e revolucionando o comportamento do consumidor nos setores doméstico e de estilo de vida.

 

Stockholm Furniture & Light Fair, em Estocolmo (Suécia), de 04 a 08 de fevereiro

Minimalismo, materiais suaves e naturais, e uma ampla discussão sobre o papel do design e arquitetura devem pautar o evento

Para quem aprecia o design escandinavo, a Stockholm Furniture Fair & Light Fair é uma excelente oportunidade. Com mais de 700 expositores, principalmente da região escandinava, esta será a 70ª edição e os organizadores prometem inovações para os visitantes que procurarão novas tendências.

Uma das novidades é a discussão em torno da redefinição dos escritórios. Existe um escritório além da nuvem? O que é necessário para que o local de trabalho permaneça relevante? Como resposta prévia, há o indicativo de que cabe aos arquitetos criar ambientes que incentivem a criatividade e a colaboração. Concorda? O fato é que nossa mobilidade foi tão longe que toda a relevância do escritório começou a ser questionada.

 

Conteúdo exclusivo Habitus Brasil.